17/01/2019

TCC analisa a forma como jornais noticiaram a morte de Herzog

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Trabalho de Conclusão de Curso conduzido por Jordânia Bissolli, da Uninove, se debruçou sobre jornais da época para analisar como a morte de Vladimir Herzog foi noticiada pela imprensa.

Como será que alguns dos principais jornais do país noticiaram a morte de Vladimir Herzog? Foi a partir desta pergunta que Jordânia Bissolli, estudante de Jornalismo da Universidade Nove de Julho (Uninove), se debruçou sobre capítulos importantes da história do Jornalismo brasileiro para o seu trabalho de conclusão de concurso.

“A ideia partiu de uma enorme inquietação e curiosidade sobre um dos períodos mais marcantes do Brasil: a ditadura militar. Não tinha definido o tema [do trabalho de conclusão de curso], mas em uma conversa informal com uma colega de sala surgiu o nome de Vladimir Herzog”, conta a estudante.

O orientador do trabalho, o professor Renato Vaisbih, sugeriu que o estudo se concentrasse nos jornais “Unidade”, “Folha de S. Paulo” e “O Estado de S. Paulo”. E, a partir disso, Jordânia iniciou um extenso e aprofundado processo de pesquisa que culminou com o trabalho intitulado “Como foi noticiada a morte do jornalista Vladimir Herzog pelos jornais: “’Unidade do Sindicato dos Jornalistas’, ‘Folha de S. Paulo’ e ‘O Estado de S. Paulo’”?

O trabalho, que obteve nota máxima, foi apenas o primeiro passo para uma longa trajetória que Jordânia pretende seguir daqui adiante: “Pretendo fazer uma pós-graduação ligada ao meu trabalho, principalmente pela grandiosidade do tema e para poder aprofundar o objeto de pesquisa”.

Para ver o trabalho de conclusão de curso de Jordânia Bissoli, clique aqui.

A agora jornalista também é co-autora da revista eletrônica “Femizine”, vencedora do prêmio de excelência de Jornalismo da Uninove na categoria mídia impressa. Além dela, o material é idealizado por Thayna Bernardes, Palloma Duarte, Talita Francez, Karina Zuffo, Antonella Vilugrón, Jéssica Navarro e Yasmim Aragão. Para ver a “Femizine”, clique aqui.

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email