DOE AGORA

Carta aberta de Vanira Kunc a Patrícia Campos Mello

Carta aberta de Vanira Kunc a Patrícia Campos Mello

Vanira Kunc, viúva do histórico jornalista Audálio Dantas, compartilha aqui a carta que enviou à jornalista Patrícia Campos Mello, homenageada com o “Troféu Audálio Dantas – Indignação, Coragem, Esperança”, no Dia do Jornalista.

Querida Patrícia Campos Mello,

É com profunda emoção e enorme alegria que vejo essa foto do Troféu Audálio Dantas – Indignação, Coragem, Esperança já na sua casa. Hoje, 7 de Abril de 2020, Dia do Jornalista e Dia Mundial da Saúde, acontece a entrega deste primeiro Troféu Audálio a quem é digna, corajosa e espalha esperança. E assim será todos os anos…

Em meu nome e dos filhos do Audálio – Juliana, Mariana, José e Ana -, quero agradecer a todos que se empenharam para que estivesse acontecendo hoje este gesto de luta pela Democracia, Justiça, Direito à Informação, Liberdade de Expressão e defesa da nossa Dignidade Profissional. Começo por citar o Sergio Gomes, curador da iniciativa, a Laerte, criadora da obra e Roger Matua, escultor da peça. Registro o papel central do João Franzin que, ao comemorar os 25 anos da sua Agência Sindical, em julho de 2016, se juntou ao Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé e à Oboré para, juntos, homenagearem o Audálio que estava firme, forte e em plena atividade.
Ali nascia a ideia do troféu.

Como esquecer a “festa surpresa” que os amigos organizaram dia 8 de julho de 2017 no Espaço Vladimir Herzog do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo para comemorar o 85º aniversário do Audálio? Foi ali que o próprio recebeu uma imagem do São Jorge ressignificado pelo Roger como repórter que enfrenta as adversidades. Era simplesmente o Troféu Indignação, Coragem e Esperança fazendo alusão a um pensamento de Santo Agostinho que nos foi revelado pelo grande e terno Leonardo Boff.

Logo em seguida vieram tempos muito duros: perdemos Audálio, começava a alastrar-se a sombra dos perigos à Democracia e à Nação Brasileira, ceifavam-se direitos do Povo e dos trabalhadores, milhões de desempregados…

Presságios, resignação, imobilismo… Atacam a ciência, os centros de pesquisa, os professores, as artes, a natureza, a universidade pública, os órgãos de controle e fiscalização, o Parlamento, o Judiciário, as entidades sindicais, os direitos dos trabalhadores e dos aposentados, a imprensa e seus jornalistas, a começar dos que cobrem a porta dos palácios e de seus profissionais mais qualificados.

Em meio a tudo isso, acontece o covarde e inominável ataque à sua pessoa. Era preciso retomar o espírito que animou todas as entidades representativas dos jornalistas ao comemorar o dia 7 de Abril do ano passado com o lançamento do manifesto “Aqui, Agora, Em Nome do Futuro”.

E o alento veio da juventude. Unem-se a nós um grande número de estudantes ligados ao Projeto Repórter do Futuro e aos centros acadêmicos da ECA-USP, PUC-SP e Cásper Líbero, e juntos passamos a procurar instituições dos jornalistas para que pudéssemos chegar a essa foto do Troféu Audálio Dantas na sua casa.

Ainda estão chegando as adesões para constar da placa que será enviada a você tão logo passe esse tormento e possamos voltar a nos abraçar. Por enquanto, as entidades que estão na base, na alma, no sentido profundo deste reconhecimento a você como figura símbolo do Dia do Jornalista em 2020 são estas:

ABI – Associação Brasileira de Imprensa
ABRAJI – Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo
ACB – Associação dos Cartunistas do Brasil
ACE – Associação dos Correspondentes Estrangeiros
Agência Sindical
AJOVESP – Associação dos Jornalistas Veteranos do Estado de São Paulo
APJOR – Associação Profissão Jornalista
AQC-ESP – Associação dos Quadrinistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo
Centro Acadêmico Benevides Paixão/PUC-SP
Centro Acadêmico Lupe Cotrim/ECA-USP
Centro Acadêmico Vladimir Herzog/Cásper Líbero
Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé
Colibri Comunicações
Empresa Júnior de Jornalismo da ECA – USP
FENAJ – Federação Nacional dos Jornalistas
IMAG – Instituto do Memorial de Artes Gráficas do Brasil
IVH – Instituto Vladimir Herzog/Rede Nacional de Proteção a Comunicadores
Oboré/Projeto Repórter do Futuro
Rede Brasileira de Jornalismo Ambiental
Rede ConsCiência/Jornalistas de Ciência
Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

Afetuosamente,
Jornalista Vanira Kunc

Em tempo: José Hamilton Ribeiro, Aldo Quiroga e inúmeros jornalistas também estão somando-se a este gesto de amor e consideração.