27/04/2017

“Um menino chamado Vlado” conta história da ditadura militar por meio da trajetória de Vladimir Herzog

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Na próxima quarta-feira, 3 de maio, será realizado na Unibes Cultural (Rua Oscar Freire, 2500), em São Paulo, o lançamento do livro “Um menino chamado Vlado”, que conta a trajetória de vida do jornalista Vladimir Herzog, assassinado em 1975 pela ditadura. Na mesma noite, será promovido um bate-papo com a jornalista e escritora Marcia Camargos, autora da publicação, e com o diretor do Instituto Vladimir Herzog, Nemércio Nogueira.

O livro, publicado em 2015 pela Editora Instituto Vladimir Herzog e co-editora Autêntica, aborda com delicadeza, em 112 páginas, um conturbado período da história recente, trazendo ao enredo os embates políticos que cercaram a trajetória de Vladimir Herzog, no contexto social e cultural do Brasil durante a ditadura militar.

Por meio de uma conversa entre pai e filho, a obra costura ficção e realidade, contextualizando um fato marcante na história do país e tornando-o disponível para o público infanto-juvenil ou adulto, por meio de uma linguagem simples.

O evento faz parte do projeto “Voando Alto: Educação e Cultura”, da Secretaria de Educação de São Paulo em articulação com o CRE (Centro de Referência em Educação) Mario Covas e a EFAP (Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Professores).

Para participar, inscreva-se: http://bit.ly/vladouc

Serviço
Lançamento do livro “Um menino chamado Vlado” e bate-papo com Marcia Camargos e Nemércio Nogueira
Data: 3 de maio
Horário: 19h
Local: Unibes Cultural – Rua Oscar Freire, 2500 – Sumaré, São Paulo, SP

Informações para imprensa
Grupo CDI – Comunicação e Marketing
Caroline Vaz: 3817-7946 | [email protected]

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Skip to content