DOE AGORA

Exposição “Resistir é Preciso…” é exposta no Colégio Arquidiocesano em São Paulo

Exposição “Resistir é Preciso…” é exposta no Colégio Arquidiocesano em São Paulo

Tradicional escola de São Paulo exibiu para seus alunos parte da exposição realizada pelo IVH que retrata a resistência à ditadura militar 

Durante o mês de novembro, o Colégio Marista Arquidiocesano, localizado no bairro da Vila Mariana, em São Paulo, expôs os painéis da linha do tempo que compõem a exposição “Resistir é Preciso…”.

Com atividades propositivas para os alunos do 5º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio, os painéis ficaram expostos na biblioteca do colégio, produzindo uma mostra dividida em cinco etapas: a) uma sala na qual os alunos ouviam depoimentos de prisioneiros políticos, com áudios cedidos pelo Memorial da Resistência; b) vídeo e fotos sobre a exposição “Ausências” do fotógrafo argentino Gustavo Germano; c) charges e fotos de época; d) material bibliográfico sobre o período da ditadura civil-militar; e) a linha do tempo da exposição “Resistir é Preciso…”.

Marcelo Pereira, professor de História do colégio e coordenador do projeto “Arquicultura”, explicou os motivos pelos quais buscou agrupar tais materiais e utiliza-los como meio de informação para seus alunos: “Nosso principal objetivo foi estimular a comunidade escolar a discutir esse delicado momento político pelo qual passa a nossa democracia atual. Nesse sentido, rememorar/rediscutir o período ditatorial faz todo o sentido, pois só conseguiremos consolidar nossa frágil democracia quando remexermos nesse período sombrio por meio da discussão dos relatórios produzidos pela Comissão da Verdade, de modo que toda a sociedade se aproprie de seu passado e de suas memórias históricas”.

A exposição “Resistir é Preciso…” esteve em cartaz no Centro Cultural Banco do Brasil de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, entre os anos 2013 e 2014. A mostra foi vista por cerca de meio milhão de pessoas nesse período.

O Instituto Vladimir Herzog faz questão de disponibilizar seu acervo para que mais pessoas conheçam a nossa História. Interessados em utilizar itens de nosso acervo devem entrar em contato com o IVH por meio do e-mail: contato@vladimirherzog.org.