Vencedores do Prêmio Vladimir Herzog detalham os bastidores de suas matérias

Vencedores do Prêmio Vladimir Herzog detalham os bastidores de suas matérias

Evento no Tucarena reuniu jornalistas premiados que contaram para uma plateia de estudantes de jornalismo as dificuldades de produzir seus materiais 

O teatro Tucarena, anexo ao Tuca, na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, recebeu na manhã do último dia 20 de outubro a 4ª edição da Roda de Conversa – evento organizado pelas 11 entidades responsáveis pelo Prêmio Vladimir Herzog, Oboré Projetos Especiais, Fapesp e Conectas Direitos Humanos. O encontro reuniu todos os vencedores e ganhadores de menções honrosas do 37º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos, que contaram para uma plateia formada basicamente por estudantes de jornalismo um pouco dos bastidores da produção de seus materiais premiados.

As pautas abordaram a violação de direitos humanos, nas mais diversas perspectivas, que  existe no país, como o racismo, violência policial nas periferias, fome,  abuso sexual,  homofobia, a dor da perda de parentes e o processo de adoção de crianças.

Neste ano, o evento foi mediado pelos jornalistas Angelina Nunes (Jornal O Globo/Abraji) e Paulo Oliveira (Jornal A Tarde/Abraji). Além disso, a Roda de Conversa foi transmitida ao vivo pela internet e contou com a cobertura colaborativa formada por um pool de emissoras: TV da Câmara Municipal de São Paulo, Televisão dos Trabalhadores – TVT, Empresa Brasileira de Comunicações – TV Brasil, Canal Comunitário de São Paulo – TV Aberta, TV PUC, Rádio USP, Fundação Perseu Abramo e Fundação Padre Anchieta – TV Cultura.

Compartilhe
Compartilhe este artigo: Facebook Twitter Pinterest Google Plus StumbleUpon Reddit RSS Email

Posts Relacionado

Deixe um Comentrio


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>