DOE AGORA

Testemunha do assassinato de Chico Mendes escreve sua própria história

Testemunha do assassinato de Chico Mendes escreve sua própria história

Editora Instituto Vladimir Herzog lança livro com histórias de Genésio Ferreira da Silva, peça fundamental para a condenação dos assassinos de Chico Mendes

Tudo começou a partir da conversa de dois jornalistas – Elson Martins, do Acre, e Ricardo Carvalho, de São Paulo – sobre a necessidade de manter viva a memória de Chico Mendes. Em sua casa, em 2012, Edson contou a história de um manuscrito de mais de 350 páginas que ele recebera anos antes. O jornalista paulista arregalou os olhos com a narrativa e, juntos, decidiram levar adiante a ideia de publicar aquele material.

Para eles, o Brasil precisava conhecer a história do menino da floresta que, com 14 anos de idade e a coragem dos homens de bem, mandou para a cadeia, em 1989, os assassinos de Chico Mendes.

O tempo passou, o menino Genésio se perdeu e só foi resgatado em 2004, pelo jornalista Zuenir Ventura, no interior do Acre, doente, alquebrado e com uma joia debaixo do braço: o manuscrito que narra suas esperanças e seus desesperos em uma Amazônia que continua ameaçada pelo poder econômico, como nos tempos de Chico Mendes.

O manuscrito de Genésio Ferreira da Silva deu então origem ao livro Pássaro sem rumo – Uma Amazônia chamada Genésio, que será lançado pela Editora Instituto Vladimir Herzog como parte das realizações do IVH para relembrar os 40 anos da morte de Vlado.

Assina o texto de orelha Marina Silva, ex-candidata à Presidência da República, historiadora política, ambientalista e companheira de luta de Chico Mendes. Com ele, fundou a Central Única dos Trabalhadores (CUT) do Acre, em 1985.

Já o prefácio é de Zuenir Ventura, jornalista e escritor brasileiro, membro da Academia Brasileira de Letras (ABL). Zuenir foi o responsável pelo resgate de Genésio quando, em 2004, foi enviado ao Acre pelo Jornal do Brasil para reportar a morte de Chico Mendes e encontrou o jovem então bastante debilitado.

Pássaro sem Rumo – Uma Amazônia Chamada Genésio, de Genésio Ferreira da Silva, será lançado no dia 27 de outubro, no Rio de Janeiro. Ainda não há previsão de lançamento em outras cidades.

Serviço
Lançamento do livro Pássaro sem rumo – Uma Amazônia chamada Genésio
Data: 27 de outubro
Horário: 19h
Local: Blooks Livraria – Praia de Botafogo 316 – Rio de Janeiro

Instituto Vladimir Herzog
(11) 2894-6650
contato@vladimirherzog.org