DOE AGORA

DITADURA MILITAR É FOCO DE ENCONTROS EM BIBLIOTECAS

DITADURA MILITAR É FOCO DE ENCONTROS EM BIBLIOTECAS

Os debates e encontros acontecem entre os dias 3 e 25 de maio em diversas bibliotecas públicas e pontos de leitura

Quarenta e nove anos após o golpe militar que depôs João Goulart, muito já se discutiu sobre os 21 anos da ditadura brasileira. A sociedade carrega até hoje marcas desse que foi o regime militar mais longo da América Latina. Para desvendar os seus pormenores, o Governo Federal finalmente criou, em 2012, a Comissão Nacional da Verdade, que completa, em maio, um ano de investigações e avanços simbólicos. Um deles foi a entrega da certidão de óbito corrigida de Vladimir Herzog, jornalista torturado e assassinado pelo regime.

Aproveitando que também se completa um ano da Lei de Acesso à Informação, e tendo em vista a importância de aprofundar as discussões sobre a ditadura, diversas bibliotecas e pontos de leitura promovem a programação especial “A Luta É Contínua”, com mesas-redondas e encontros com militantes e ex-prisioneiros políticos.

Em meio à extensa programação, a Biblioteca Pública Viriato Corrêa realiza dois debates. No dia 18, às 18h, acontece a mesa-redonda “Discutindo o Golpe de 1964: o que foi isso?”, com a presença da advogada Rosa Maria Cardoso da Cunha, membro da Comissão Nacional daVerdade, e do jornalista Renato Tapajós, ex-preso político. Ambos fazem uma análise de conjuntura sobre a deposição de Goulart. No dia 25, às 18h, o presidente da Comissão de Anistia e secretário nacional de Justiça do Ministério da Justiça, Paulo Abrão, encontra-se com o presidente do Núcleo de Memória Política de São Paulo, Alípio Freire. Em “Pós-ditadura: qual democracia?”, os convidados expõem o que ainda restou do período, trazendo uma abordagem mais atual ao tema.

Além de participar desse debate, Freire é um dos diversos resistentes à ditadura que contarão suas histórias de luta em meio ao conturbado período de repressão. Ao todo, são 28 convidados participantes dos encontros que acontecem durante todo o mês em 59 unidades.

Completa a programação uma mostra cinematográfica gratuita em cartaz na Viriato Corrêa e no Centro de Formação Cultural Cidade Tiradentes. Entre os filmes exibidos está o longa dirigido pelo palestrante Alípio Freire, “1964 – Um Golpe Contra o Brasil”, de 2012.

Serviço: Diversas bibliotecas e pontos de leitura. De 3 a 25/5. Grátis.
Veja a programação completa no site abaixo.

INFORMAÇÕES À IMPRENSA
Assessoria de Comunicação
Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo
Tel.: 3397- 0050 ao 0055
E-mail: programacaosmc@prefeitura.sp.gov.br
http://www.prefeitura.sp.gov.br/cultura