DOE AGORA

Respeitar é Preciso! encerra primeiro módulo do curso de Educação em Direitos Humanos na rede municipal de São Paulo

Respeitar é Preciso! encerra primeiro módulo do curso de Educação em Direitos Humanos na rede municipal de São Paulo

O projeto Respeitar é Preciso! concluiu em dezembro seu primeiro ciclo de formação com membros das Comissões de Mediação de Conflitos da rede municipal de São Paulo. Em novembro último, o curso de Educação em Direitos Humanos desenvolvido pelo Instituto Vladimir Herzog em parceria com a Prefeitura Municipal da cidade teve início em quatro pólos regionais diferentes. A iniciativa busca difundir a adoção do respeito mútuo na convivência escolar, para eliminar todo tipo de violência.

Foram realizadas três aulas em cada um dos pólos sobre os temas Direitos Humanos, Educação em Direitos Humanos e Mediação de Conflito. Todas as aulas se dividiram entre uma palestra com convidado, especialista no tema, debate com o público e uma atividade reflexiva, remetendo à discussão geral do curso sobre o que é Respeito e o que é Educação em Direitos Humanos.

O curso foi muito bem recebido e teve participação ativa dos educadores no acompanhamento das palestras, nas atividades e nas discussões com os especialistas. “Foram debatidas questões importantes sobre cada um dos temas, o que ajudou todos a refletir sobre o que são realmente os DH (não “direitos de bandido”), qual a natureza da EDH (uma educação em valores que acontece no cotidiano,  nas relações e práticas da vida escolar) e sobre os princípios orientadores da Mediação de Conflitos (um processo educativo que promove a autonomia na adoção de valores e mudança de atitudes). Esses grandes temas serão retomados como fundamentos em 2017, nos módulos 2 e 3, que tratarão das questões emergentes do desenvolvimento do Respeitar é Preciso! nas escolas.”, explicou Neide Nogueira, coordenadora educacional do IVH.

Além do curso de formação, em novembro, os encontros de formação continuada com os integrantes dos Grupos de Mediação de Conflitos das 13 Diretorias Regionais de Ensino tiveram continuidade. O objetivo é apresentar e discutir o material do Respeitar é Preciso! em profundidade com as equipes das DREs, que serão responsáveis por acompanhar o processo de implementação do projeto nas escolas da rede municipal de ensino ao longo do ano.

“A equipe do Respeitar é Preciso! forma os integrantes desse grupo  para que eles se apropriem do projeto, construam propostas de formação para as Comissões que estarão nas escolas, avaliem o material profundamente, tragam os problemas e as dificuldades. Eles são o ponto-chave para que o projeto dê certo”, afirma Neide Nogueira.

Histórico
Após a assinatura de um convênio em setembro para que o projeto fosse implementado em todas as 1.500 escolas da rede municipal de São Paulo, foram realizados sete seminários de apresentação do Respeitar é Preciso!. Os participantes foram os integrantes das Comissões de Mediação de Conflito das escolas, que participaram nos meses seguintes do curso de formação em EDH. Em outubro o projeto foi apresentado às equipes de Mediação de Conflitos das Diretorias Regionais de Ensino.

A versão digital dos materiais didáticos do “Respeitar é Preciso!” pode ser baixada na íntegra nos links abaixo.

Livro de Orientações Gerais

Livro de Orientações Gerais

 

 

 

 

 

 

 

 

Democracia na Escola

Democracia na Escola

 

 

 

 

 

 

 

 

Igualdade e Discriminação

Diversidade e Discriminação

 

 

 

 

 

 

 

 

Respeito e Humilhação

Respeito e Humilhação

 

 

 

 

 

 

 

 

Sujeitos de Direito

Sujeitos de Direito