DOE AGORA

Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão discute herança do golpe de 1964.

Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão discute herança do golpe de 1964.

As inscrições para o 6º Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão estarão abertas aos alunos de graduação regularmente matriculados em cursos de Comunicação Social / Jornalismo entre os dias 10 de março e 11 de abril de 2014.  

Para colaborar na rememoração histórica que o Brasil democrático vivencia e ajudar a cumprir-se o direito do povo brasileiro à memória e à verdade, esta sexta edição premiará pautas que abordem o legado da ditadura civil-militar instalada no País com o golpe de 1964.

Passadas cinco décadas da instauração de um período de exceção na vida do Brasil, conhecido como “os anos de chumbo da ditadura” (1964-1985), algumas heranças que carregamos em termos sociais, políticos e econômicos são visíveis no cotidiano. Os limites impostos pelo regime militar na vida civil, expressos na falta de liberdade de ir e vir, na livre manifestação do pensamento e censura nas mais diferentes áreas, como nas artes, ciências, política, música, comunicação, marcadamente na imprensa; as prisões, torturas, mortes e desaparecimentos praticados na ditadura e também as estratégias de enfrentamento, formas de engajamento e de resistência são alguns dos cenários possíveis para as reportagens, vistos sob o angulo da atualidade jornalística.

 

Será permitida a inscrição individual ou em equipes de até três estudantes. Os projetos de pauta deverão contar, obrigatoriamente, com a participação de um professor-orientador vinculado à instituição de ensino da equipe.

 

Quer saber mais?  Acesse o site do Prêmio Jovem Jornalista e veja as matérias finalistas das edições anteriores, além de todos os detalhes da edição 2014 do prêmio.