DOE AGORA

Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos bate novamente recorde de inscrições em sua 39ª edição

Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos bate novamente recorde de inscrições em sua 39ª edição

As inscrições para o 39º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos foram encerradas no último dia 31 de julho com número recorde de participações: foram 634 trabalhos enviados por jornalistas, artistas e repórteres fotográficos de todo o país. Destes, 218 foram inscritos na categoria Texto, que reuniu o maior número de participantes. Com quase 40 anos de existência e considerado uma das premiações mais prestigiosas e tradicionais do Brasil, o Prêmio Vladimir Herzog reconhece, ano a ano, produções jornalísticas que valorizam a Democracia, a Liberdade de Expressão e os Direitos Humanos.

Nesta edição, após mudanças em relação aos anos anteriores, foram aceitos trabalhos em seis categorias:

1) Arte: ilustrações, charges, cartuns, caricaturas e quadrinhos publicados em veículos impressos ou eletrônicos (41 inscritos)

2) Fotografia: Foto ou série fotográfica publicada em veículos impressos ou eletrônicos (107inscritos)

3) Produção jornalística em texto: Reportagens em texto publicadas em veículos impressos ou eletrônicos (218 inscritos)

4) Produção jornalística em áudio: Reportagens ou documentários em áudio (40 inscritos)

5) Produção jornalística em vídeo: Reportagens ou documentários em vídeo (124 inscritos)

6) Produção jornalística em multimídia: Reportagens multimídia publicadas na internet (104 inscritos)

Assim como nas cinco últimas edições, a escolha dos vencedores será realizada em duas etapas, com transmissão ao vivo pela internet da fase final, em sessão pública no dia 9 de outubro, na Sala Oscar Pedroso Horta da Câmara Municipal de São Paulo. A cerimônia de premiação acontecerá no dia 31 de outubro, no TUCARENA, em São Paulo, precedida da também já tradicional Roda de Conversa com os vencedores da edição.

O 39º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos é promovido e organizado por uma comissão constituída pelas seguintes instituições: Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo – ABRAJI; Centro de Informação das Nações Unidas no Brasil – UNIC Rio; Coletivo Periferia em Movimento; Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de São Paulo; Conectas Direitos Humanos; Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB Nacional; Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo – ECA/USP; Federação Nacional dos Jornalistas – FENAJ; Instituto Vladimir Herzog; Ordem dos Advogados do Brasil – Secção São Paulo; Ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo; Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo; e Sociedade Brasileira dos Estudos Interdisciplinares da Comunicação – Intercom.

Serviço

39º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos

Divulgação dos resultados: 9 de outubro de 2017, segunda-feira, em sessão pública de julgamento na Câmara Municipal de São Paulo / Sala Oscar Pedroso Horta e transmissão ao vivo pela internet, das 10h às 14h, em http://www.camara.sp.gov.br/transparencia/auditorios-online/sala-oscar-pedroso-horta-sala-b/

Roda de Conversa com os Ganhadores: 31 de outubro, terça-feira, das 14h às 18h
Solenidade de premiação: 31 de outubro, terça-feira, 20h
Local: TUCARENA – Rua Monte Alegre, 1024, Perdizes, São Paulo