DOE AGORA

Praça em São Paulo receberá nome e estátua de Vladimir Herzog (2012)

Praça em São Paulo receberá nome e estátua de Vladimir Herzog (2012)

Além disso, a Câmara Municipal deu o nome de Vladimir Herzog à sua Comissão da Verdade

Em homenagem ao jornalista Vladimir Herzog, torturado e morto pela ditadura militar, a Câmara dos Vereadores de São Paulo aprovou projeto de decreto legislativo, de autoria do vereador Ítalo Cardoso (PT) que batizará a Praça atualmente conhecida como Divina Providência com o nome do jornalista paulistano.

Localizada à rua Santo Antônio, atrás do Palácio Anchieta (Câmara dos Vereadores), região central de São Paulo, próxima ao Terminal Bandeira, a praça ganhará ainda uma estátua em bronze  com cerca de 2,20m de altura do jornalista Vladimir Herzog, a réplica do troféu entregue anualmente a vencedores do Prêmio de Jornalismo Vladimir Herzog e também a reprodução em mosaico do quadro 25 de Outubro (conhecido como “Guernica Brasileira”) de 4mx10m.  De autoria do artista plástico Elifas Andreato, uma referência no meio intelectual, jornalístico e artístico nacional, todas essas obras são consideradas importantes expressões da história política brasileira representada na figura de Vladimir Herzog.

A estátua será uma reprodução da imagem “Vlado Vitorioso”, criada por Elifas para a Organização das Nações Unidas em 2008, em comemoração aos 60 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Já a “Guernica Brasileira” protesta contra o assassinato do jornalista, obra exposta pela primeira vez em 1981, durante as comemorações do centenário do nascimento de Pablo Picasso.

A praça Vladimir Herzog, em espaço já inteiramente revitalizado pela Câmara, já está aberta ao público. Sua inauguração oficial, com todas as obras de arte expostas e a devida homenagem ao jornalista, deverá acontecer em Outubro, acompanhando o cronograma de anúncio aberto dos vencedores da 34º edição do Prêmio de Jornalismo Vladimir Herzog.

Comissão da Verdade Vladimir Herzog

A memória de Vladimir Herzog foi homenageada também pela Câmara dos Vereadores graças à outra iniciativa do vereador Ítalo Cardoso, que propôs seu nome para a Comissão da Verdade criada pela Edilidade paulistana. Em decisão pioneira, São Paulo é a primeira cidade do País a contar com sua Comissão da Verdade, entidade política liderada pela Câmara de Vereadores que apoiará a Assembleia Legislativa do Estado na investigação da História recente do País e em defesa dos direitos humanos dos cidadãos.

Sobre o Instituto Vladimir Herzog

 

O Instituto Vladimir Herzog foi constituído em 25 de Junho de 2009 com a missão de contribuir para a reflexão e produção de informação que garanta o direito à vida e o direito à justiça. Organização sem fins lucrativos e com neutralidade político-partidária, o Instituto Vladimir Herzog busca atingir seus objetivos baseando suas ações em três pilares: Preservar, Construir e Compartilhar. Mais informações podem ser encontradas nos endereços www.vladimirherzog.org.br

 

Facebook: http://facebook.com/vladimir.herzog

Twitter: https://twitter.com/vladimirherzog


INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA
CDI Comunicação Corporativa