DOE AGORA

Vlado Educação promove ação de formação de professores da rede pública estadual de São Paulo

Vlado Educação promove ação de formação de professores da rede pública estadual de São Paulo

Cerca de 60 professores, coordenadores e mediadores do Ensino Médio da rede pública estadual participaram, na quinta-feira 29 de agosto, da ação de formação liderada pela equipe do programa Vlado Educação no prédio da Regional Centro-Sul da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo.

O objetivo da ação foi demonstrar aos educadores a aplicação prática, em sala de aula, do guia didático Os Cartazes desta História, elaborado em apoio ao livro de mesmo nome lançado em 2012, para seu máximo aproveitamento com os alunos. Os responsáveis pelas oficinas foram Ana Rosa Abreu, coordenadora do Vlado Educação, que abriu o encontro; Maria da Penha Brant, arte educadora; e Lucas Oliveira Monteiro, professor de História.

InstitutoVladimirHerzog_VladoEducaçãoNot2

O encontro começou com o filme 30 Anos de Anistia no Brasil para proporcionar um panorama geral sobre o contexto histórico da ditadura e

seus impactos. Em seguida o professor Lucas fez uma explanação sobre o período, a Lei de Segurança Nacional e a produção artística na época do regime totalitário. Maria da Penha, então, ressaltou a função do cartaz no cotidiano das pessoas naqueles anos de repressão, como forma autêntica de manifestação e seguiu com análise e discussão sobre um dos cartazes do livro, estimulando a reflexão sobre a simbologia das imagens.

 

Após essa parte teórica, os professores reuniram-se em grupos para realizar a primeira aula proposta do guia didático, com a atividade prática de confeccionar um cartaz a partir do tema proposto.

Segundo Sheila Bazarim, que trabalha na área de projetos especiais da Diretoria Centro Sul da Secretaria, a oficina foi muito positiva na medida em que possibilitou um momento de formação e troca de experiências entre os professores da rede, que estão desenvolvendo o projeto nas escolas e a equipe do Instituto Vladimir Herzog, que idealizou o material. “Esperamos que o trabalho desenvolvido nas escolas possibilite aos alunos a compreensão da importância dos movimentos de resistência ao regime militar no processo de constituição dos direitos civis, sociais, políticos e humanos do Brasil atual”, declara Bazarim.

 

InstitutoVladimirHerzog_VladoEducaçãoNot3

“A partir desta experiência, os professores voltam às suas escolas para desenvolver os projetos com seus colegas e dar às atividades a característica

específica de cada instituição. Nós, do Vlado Educação, acompanharemos o andamento das aulas à distância para total apoio dos educadores”, explica Ana Rosa Abreu.

Segundo estimativas da Regional Centro-Sul da Secretaria de Educação do Governo de São Paulo, 30 escolas dessa região da capital paulista serão beneficiadas após a ação de formação realizada pelo Vlado Educação.