DOE AGORA

José Mindlin

O Instituto Vladimir Herzog cumpre, neste momento, com profunda consternação, o dever de comunicar o falecimento, neste último domingo, dia 28 de fevereiro, de seu conselheiro, José Mindlin, aos 95 anos.

Nascido em 1914, José Mindlin, jornalista, advogado, empresário, bibliófilo reputado em todo o mundo, marcou de maneira indelével, com sua longa e profícua existência, a vida de São Paulo e do Brasil. Marcou sobretudo, como Secretário da Cultura do Governo de São Paulo, a vida de Vladimir Herzog e de sua família no período em que as forças da treva política tentavam se impor no cenário da Nação e derrotar nossos anseios pelo Estado Democrático de Direito.

Discretíssimo, apaixonado pela cultura, pelos livros e por sua família, José Mindlin, com seu estofo de autêntico estadista, pairava acima das políticas partidárias, mas exerceu, no entanto, inegável influência na formação de mais de uma geração de paulistanos e brasileiros. E com a recente doação à Universidade de São Paulo de sua formidável biblioteca privada, considerada uma das maiores e mais valiosas do mundo, seu legado se perpetuará.

Querermos deixar aqui consignadas nossas mais sinceras condolências à família de José Mindlin e a todos os brasileiros por esta perda irreparável.