DOE AGORA

Impressões do Zeca

instituto_vladimir_herzog_impressoes_do_zecaOi, Debora

Quanto ao que eu estava afins de escrever desta experiencia do trabalho que a gente fez do Instituto Vladimir Herzog, estou tentando escrever alguma coisa tirads de minhas impressões pessoais desde a inauguração,até a entrevista com o Ivo ontem na sede da Ocas; quanto aquela pŕimeira impressão de na inauguração ,o povo mais excluido não estar representado da forma como por exemplo nos fizermos nos representar,é uma das sensações de uma possvel satisfação de estar naquele instante naquele lugar,participando de uma coisa?!! muito importante na História recente de nossso País (um possivel alicerce onde a gente percebe que a gente vai poder contar,para que nossos “Dieitos Humanos sejam de alguma forma representados e defendidos(um dado que eu achei importanteé que consultanto o site do instituto quando vc clica no Conselho Deliberativo(se não me engano já que existe o Consultivo)esta presente com menbros tanto o Sindicato dos Jornalistas do Estado se São Paulo,como a Ouvidoria d aPolicia Militar do estado de São Paulo),nãos sei se só este fato de um orgão que noutrora de nossa Historia foi junto com a conjutura Politica que estava acontecendo naquele periodo,responsavel pelo cidadão que foi morto,para 25 anos depois dar nome e voz para este instituto,mais sei tambem se a Sociedade Civil naão se fizer representar perante este não tem como as pessoas lutarem por cidadania e Direitos Humanos,minha impressão sobre o Ivo Herzog,foi a melhor possivel(apesar de não nos prepararmos para entrevistalo,fazendo uma mea culpa de nos todos)a entrevista correu numa boa ,o cara teve um despreendimento(que neste caso deve ;pelo pouco que conhecemos da figura do Pai dele,de ser uma cara que se preocupava com a verdade,e pelo lado de sua profissão de Jornalista,queria ir ao fundo daapuração de que se considera uma fato jornalistico,hoje tão fora de moda??!!,pela classe que representa salve ,claro raras exeçoes,(Caros Amigos ,Carta Capital só paqra citar alguns exemplos de meios de comunicação ,e de outras impremsas,jornalista que ainda fazem o bom jornalismo,como o Josias de Souza da Folha,com a coluna muito bem escrita ,no Estadão de um escritor do naipe de um João Ubaldo Ribeiro.

O cara do tele centro, falou neste minuti que só nos falta mais dois minutos para acesso ,e depois daqui estou indo para a fila do bom prato,v se vc salve isto

Continuação….

Queria falar das impressões minhas sobre o Ivo,a figura humana que ele é,pois ele ouvia com o maior despredimento possivel,a qualquer pessoa que lhe dirigisse alguma pergunta,sempre respondedo a pessoa ,de ‘forma que se o questionamento desta apresentasse alguma coisa no que tange a busca por efetivar seus “Direitos Humanos”,ele ressaltava que faz parte da pessoa (cidadão), fazer valer os seus direitos.

Nesta manhã,chuvosa de sabado,as ideias vão fluindo ,porem a chuva me deu uma certa preguiça.(mas vou ter que planejar o resto do dia para que eu naõa me desgate tanto.

Vamos nos falando.

Abração.Zeca