DOE AGORA

Homenagem ao rabino Henry Sobel

Homenagem ao rabino Henry Sobel

Por iniciativa conjunta da família de Vladimir Herzog, Congregação Israelita Paulista e Comissão Nacional de Diálogo Religioso Católico-Judaico-DCJ, o rabino Henry Sobel, que voltará a residir nos Estados Unidos no final deste ano, foi homenageado no dia 31 de Outubro, às 19 horas, no Memorial da América Latina, no foyer do Auditório Símon Bolívar.

A homenagem foi prestada devido ao papel fundamental desempenhado por Sobel, ao lado de D.Paulo Evaristo Arns e do reverendo James Wright, que lideraram e celebraram um ofício inter-religioso pela alma de Vladimir Herzog, torturado e assassinado no DOI-CODI em 25 de Outubro de 1975, quando era diretor de Jornalismo da TV Cultura.

Em 31 de Outubro do mesmo ano, apesar da opinião pública brasileira continuar amordaçada, a imprensa censurada e a cidade sitiada pela polícia, uma multidão de mais de oito mil pessoas se reuniu na Catedral de São Paulo e em seus arredores para o culto inter-religioso, soltando dessa forma um corajoso brado de solidariedade, dor e revolta que se espalhou pelo País e se tornou o marco inicial do processo de derrocada da ditadura e de redemocratização do Brasil.